Porque ela me faz tão bem

Hoje acordei e você nem me viu, estava ali quieta, com a respiração baixinha e um leve sorriso no canto da boca. Tenho certeza que era um convite pra eu voltar e ficar mais cinco minutinhos que fossem juntinho de você. Mas o dever chama e aos poucos você foi acordando, e o mundo acordando junto. Os carros foram tomando a rua aqui na frente de casa e o som das pessoas apressadas para o trabalho foi ficando mais constante. Do nada você me olhou com um rostinho feliz e me soltou um sorriso e um bom dia, mesmo eu tendo feito você ficar acordada até tarde me esperando chegar em casa na noite anterior. Te fiz um suco que você tanto pediu e você me fez a tapioca mais deliciosa do mundo. Nos organizamos e descemos pro carro, “ops esqueci algo”, você disse, e subiu numa carreira para pegar suas coisas do trabalho. “Esses esquecimentos de Ísis” pensei comigo mesmo. Fomos conversando sobre as expectativas de cada um para aquele dia até chegarmos no meu trabalho. Fiquei te olhando só esperando pela melhor parte da minha manhã, pois eu sabia o que viria. Você me deu um beijo quase me obrigando a ter que arrumar uma desculpa para ficar o dia todo do seu lado. E eu fui, aliás, sou feliz.
IMG_6703

Anúncios

Comentários

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s